Instruções aos Revisores

 

PROCESSO DE REVISÃO POR PARES

A Revista Portuguesa de Investigação Comportamental e Social usa um processo de revisão por pares estritamente anónimo, sendo o nome do revisor ocultado ao autor. O revisor pode, por critério pessoal optar por revelar o seu nome ao autor no seu comentário, mas a nossa política padrão é que a identidade permaneça escondida.

Cada manuscrito é avaliado por pelo menos dois revisores. Todos os manuscritos são revistos tão rapidamente quanto possível, e uma decisão editorial é geralmente obtida em (por exemplo) 4-6 semanas após a submissão. Nenhuma pessoa está autorizada a assumir papel na revisão por pares se tiver algum interesse definido da seguinte forma: consultoria em artigos da revista, propriedade compartilhada, qualquer relação próxima com os autores, ser membro de uma organização cujos interesses podem ser afetados pela publicação do artigo.

 


TOPO

Instruções para Revisão

Os revisores são convidados a seguir as seguintes orientações éticas

  • Manter a confidencialidade sobre os manuscritos.
  • Não partilhar dados com colegas antes de o manuscrito ser publicado.
  • Não reproduzir o manuscrito.
  • Declinar se tiverem algum preconceito contra os autores ou contra a investigação.
  • Declinar se tiverem algum conflito de interesses, revelando qual o conflito de interesses. Os conflitos de interesse podem ser definidos como um conjunto de condições (p. ex., competição académica, determinados valores filosóficos e crenças) que podem resultar numa avaliação tendenciosa ou injusta do manuscrito.
  • Respeitar os prazos de tempo especificados e informar se se tornar impossível concluir a análise em tempo útil, pedindo orientação sobre a possibilidade de recusar-se a rever o manuscrito ou obter um período adicional especificado.
  • Declinar se não o podem fazer no período especificado.
  • Informar se já fizeram a revisão prévia do manuscrito para outra revista.
  • Não usar a revisão como forma de promover a sua própria investigação, nem sugerir a rejeição do trabalho porque ele contradiz o seu próprio trabalho.

 


TOPO

Passos no Processo de Revisão

1. Fornecer uma avaliação honesta e construtiva do valor do manuscrito.

2. Verificar se o estilo de escrita é:

  • Claro: ideias escritas de forma direta e não ambígua.
  • Conciso: ausência de redundância, apresentação de palavras e frases que comunicam a ideia de forma simples.
  • Correto: gramática e pontuação precisas.

3. Analisar os pontos fortes e fracos do estudo em cada secção do manuscrito. Por exemplo:

  • Na Introdução, os autores fornecem uma linha de argumentação convincente, citam fontes importantes, focam em ideias (e não em factos ou descobertas discretas), e colocam questões ou hipóteses derivativas da teoria?
  • Nos métodos, as estratégias são descritas claramente, a descrição da amostra apresenta detalhe suficiente, as medidas são bem operacionalizadas e têm características psicométricas apropriadas? Os métodos estatísticos são os mais adequados e estão bem justificados.
  • Os resultados são apresentados de forma clara e seguem a ordem das perguntas de pesquisa? As tabelas ou figuras são necessárias e claras?
  • Na discussão, os resultados são apresentados de forma é concisa e precisa e representam os dados apresentados previamente? Os resultados são integrados no contexto de um debate teórico mais alargado, incluindo as referências revistas na introdução? Foi feito um esforço de ir para além dos factos e de apresentar explicações? As questões introdutórias estão respondidas? As limitações foram refletidas.

4. Dar sugestões sobre como tornar o manuscrito mais completo, relevante e legível.

5. Fazer perguntas específicas aos autores para que estes tornem o manuscrito mais relevante para o público-alvo, mas não fazer perguntas só porque são interessantes para os revisores, respeitando os objetivos e o desenho do estudo.

6. Confirmar as referências bibliográficas e indicar outras se tal for apropriado.

7. Indicar ao editor se:

  • O manuscrito deve ser rejeitado na RPICS.
  • O manuscrito deve ser aceite condicionalmente.
  • O manuscrito deve ser aceite.
  • Os membros do Corpo Editorial comprometem-se a efetuar 4 a 6 revisões anuais e a fazê-lo em tempo útil. Aqueles que consistentemente declinarem fazer revisões ou que o não façam dentro dos prazos são convidados a deixar o Corpo Editorial.

Todos os revisores serão pontuados pela qualidade e pela pontualidade (até 5 pontos). A alta qualidade e a oportunidade das opiniões são essenciais para a valorização da RPICS. Revisores que fazem análises de valor elevado de forma atempada estão a fornecer um serviço essencial à revista.

 


TOPO

Os revisores têm os seguintes direitos

1. Ser informados da decisão do Editor sobre manuscritos que avaliaram para a RPICS, caso o solicitem.

2. Receber os comentários dos outros revisores para a sua própria edificação, caso o solicitem.

3. A lista dos membros do Conselho Editorial será publicada em cada edição da revista E cada revisor será reconhecido na Publons.

4. Os revisores que contribuam para a alta qualidade da revista (4-5 pontos) serão incluídos na lista de Revisores da RPICS na última edição do ano de publicação, podendo ser convidados para o Corpo Editorial do ano seguinte.

 


TOPO

Os revisores são aconselhados a orientar-se pelas seguintes referências

Council on Scientific Editors appearing Editorial Policy Statement. (2005). Science, 25(6), S.P.

Dembowski, F. L. (2010). Guidelines and advice to authors, editors and reviewers for professional journals and conference Proposals. International Journal of Organizational Innovation, S.V., 1-53.

Ramos-Alvarez, M. M., Moreno-Fernández, M. M., Valdés-Conroy, B., & Catena, A. (2008). Criteria of the peer-review process for publication of experimental and quasi-experimental research in Psychology: A guide for creating research papers. International Journal of Clinical Psychology and Health, 8, 751-764.